Quem fala inglês ou outros idiomas têm que escutar cada coisa…

Até porque, todos nós sabemos que não são muitas as pessoas no Brasil que falam inglês ou outros idiomas fluentemente.

Mas uma coisa que eu sei é que, independentemente do idioma que você fala ou está aprendendo, todo mundo escuta as mesmas coisas, sem exceção!

Nós que falamos e estudamos outros idiomas, costumamos ouvir certas coisas engraçadas ou até mesmo desconfortáveis, ás vezes.

Portanto, me parece que não basta apenas afirmar que você fala inglês, e sim, provar!

Até parece exagero, mas não é!

Eu não sei vocês, mas eu odeio misturar inglês e português enquanto falo.

Particularmente, quando eu misturo os dois idiomas, parece que não sai da forma que sairia se eu estivesse falando apenas em inglês, por exemplo.

Talvez seja esse o principal motivo por não gostar da mistura, até porque, confesso que eu sou muito preocupado com o meu sotaque e a minha pronúncia em inglês.

Falando em pronúncia, dê uma lida também em um dos nossos guias sobre Como melhorar a pronúncia em inglês. Lá você irá aprender técnicas e dicas valiósas usando a ferramenta Forvo!

Voltando…

Imagine a tal situação: Você está conversando em português com alguém e você precisa falar uma palavra em inglês que geralmente usamos no dia a dia, como a palavra ‘Driver’, aquele(s) do computador.

Como disse, eu não gosto muito de misturar os idiomas. Logo, sempre pronuncio as palavras em inglês sem sotaque, ou seja, com a pronúncia bem “brasileirada”.

O problema é que, às vezes, a pessoa que está conversando com você acha estranho e começa a pensar que você não sabe nada de inglês.

No entanto, também pode acontecer dela te achar metido e estranho se você falar a tal palavra de forma correta.

Complicado…

Durante essa semana, eu e meus alunos começamos a conversar sobre as experiências que o Inglês e o aprendizado de idiomas nos proporcionou.

Conversa vai e conversa vem. E um dos alunos mencionou algumas das situações engraçadas e, até mesmo, desconfortáveis em que ele esteve e também se depara continuamente.

Logo, acabei percebendo que existe um certo “padrão” em tudo isso e foi aí que tive a ideia de escrever esse artigo.

Mas então…

Quais são as coisas que quase todo aluno/professor de inglês escuta?

Começando com:

Eu já estudei inglês na escola, mas só aprendi o verbo TO BE”

“Já tentei estudar inglês, mas nunca consegui absorver nada”

“Inglês é difícil, só dá para aprender se você sair do Brasil”

“Você fala inglês? Nossa…Então, como se diz Vitupério em inglês?” 

“Pra eu ver se você sabe mesmo, traduz essa música aqui” (Um detalhe, a música estava em Árabe. Eu acho.)

Outras coisas que pessoas pedem ou perguntam:

  • o nome dos objetos da casa;
  • o nome de algum filme;
  • pedir para cantar uma música;
  • fazer o trabalho de inglês da escola;
  • falar um palavrão em inglês;
  • Ou qualquer outra coisa que você não conheça até mesmo em português;

De primeira, vocês podem achar que estou exagerando. No entanto, imagina ouvir isso todos os dias da semana?

O mais engraçado é que você acaba virando o centro das atenções, e, automaticamente, eu não sei como, aparece um monte de gente (do nada) e, quando você percebe, está dentro de uma roda cheio de pessoas fazendo várias perguntas diferentes.

Ufa!

Quem nunca passou por isso, não é?

Aquele medo de ir na cozinha de madrugada e encontrar um pessoa pedindo para você traduzir algo!

Claro, eu sei que algumas pessoas não fazem por mal. Ás vezes, apenas curiosidade. Talvez, uma certa admiração.

O medo de falar inglês perto de mim

Eu conheço inúmeras pessoas que simplesmente evitam dizer qualquer palavra que seja em inglês na minha frente!

É engraçado, pois se essa pessoa está no meio de uma conversa e eu estou junto, ela simplesmente olha pra mim e não diz a tal palavra que queria dizer.

Também pode acontecer de alguém pedir desculpas antes de tentar falar a tal palavra.

Tudo isso eu considero comum e acredito que acontece com muita gente por aí.

Confesso que, às vezes, dependendo do dia, é difícil estar no pique para esse tipo de interação.

Inclusive, para algumas pessoas, pode ser bem chato tudo isso.

Entretanto, eu, especialmente, fico muito feliz quando pessoas me abordam e, por curiosidade, me fazem inúmeras perguntas sobre a língua inglesa.

Eu fico muito feliz com tudo isso, pois acredito que, pelo fato de não ser tão comum alguém falar inglês ou outro idioma, exista uma certa admiração e confiança no que você está fazendo.

Porém, o melhor de tudo é saber que de alguma forma, você está motivando alguém a aprender inglês também!

Algumas dessas pessoas já tentaram aprender inglês pelo menos alguma vez na vida, mas acabaram desistindo por algum motivo.

Então, seja sempre bem paciente e independentemente de qualquer comentário, seja educado e tire as dúvidas daquela(s) pessoa.

Até porque, do que adianta o conhecimento se não for para ser compartilhado, não é mesmo?

Aliás, se você sente que precisa sair do nível intermediário no inglês, sugiro que leia nosso guia sobre Como melhorar o inglês!

E então…Tem mais alguma coisa que quem fala inglês costuma ouvir?

C ya!

Categorias: Autonomia

Thiago Oliveira

Professor de inglês há 7 anos, tradutor/intérprete, criador de conteúdo e apaixonado por aprender e ensinar idiomas.

4 comentários

Andreos · 2 de agosto de 2019 às 12:20 am

Contato?

Daniel · 3 de junho de 2018 às 1:40 am

O famoso dicionário ambulante kkkkkk confesso que passo por esses testes as vezes e chego até ficar sem graça quando eu não consigo ajudar aquele sentimento do “eu sei pra mim, ou eu sei o que esta falando o texto mas não da pra traduzir”

Porém na maioria das vezes eu me esforço se não for satisfatório. . Ok rs…

Veleu por mais um post James!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *