Como pedir desculpas em inglês como um nativo e acabar com aquele climão após fazer ou dizer algo que não devia? Você alguma tem ideia do que deve ser dito?

Pois bem, não é querendo falar não — mas saber como pedir desculpas inglês, do jeito certo, pode te poupar uns dentes, sabia?

Hehehe. Brincadeira.

Porém, vai que, né?!

Afinal, a convivência com pessoas nunca foi algo tão fácil. A regra é clara: Se tem pessoas envolvidas, vai dar m***a. Foi mal, hehe.

Mas não é mentira!

Discussões, discussões e discussões. Um socão na boca, às vezes.

Quem nunca?

De vez em quando, estamos certos ou errados. Já outros, sempre errados…

Quando certos, as pessoas podem nos pedir desculpas, e, quando errados, somos nós quem devemos pedir desculpas. 

Ora ora, senhor óbvio!

Aliás, muitos dos conflitos, na maioria das vezes, podem ser evitados ou reparados e, se possível, salvar algumas amizades pelo simples ato de reconhecermos que estamos errados.

Logo, isso significa que pedir desculpas é mais do que importante. Claro, desde que você não esteja se “desculpando” pelo seu inglês, certo?

Mas bora lá! Hoje iremos aprender algumas formas diferentes de pedir desculpas em inglês!

4 formas diferentes de como pedir desculpas em inglês

1- It’s all my fault

Nós costumamos dizer a frase “It’s all my fault” ou apenas “it’s my fault” quando queremos tomar toda a responsabilidade por algo que fizemos ou dissemos. Ou seja, a culpa é toda minha, em inglês.

Exemplos:

  • I’m really sorry – it’s all my fault.
  • It’s my fault – I forgot to give him the message.
  • We’ve missed the plane and it’s all your fault! (Culpando alguém).

Não é o caso, mas se você quiser tirar o seu da reta e dizer que a culpa não é sua, diga: It’s NOT my fault.

  • It’s not my fault that we’re late.
  • It’s not my fault he didn’t come!

2- My bad

A expressão My bad é muito informal e comum, e significa exatamente “Foi mal”, em português.

Portanto, se foi um errinho básico e leve, você pode dizer “Okay, my bad“.

  • You brought the wrong book.” > > > “Okay, my bad. I’ll go get it.

Aliás, essa é uma das expressões em inglês que eu mais gosto!

3- I hope you can forgive me

Olha, podemos usar essa frase após percebermos que o que fizemos talvez tenha passado um pouco da dose. I hope you can forgive me, em portugês: Eu espero que você me perdoe.

Eita…

Ex: I drank too much last night. I hope you can forgive me for saying that to your friends.

4- I sincerely apologize

A expressões “I sincerely apologize” ou apenas “I apologize” são duas maneiras mais expressivas de pedir desculpas em inglês — especialmente quando você se sente responsável pelo o que aconteceu.

Exemplos:

  • I sincerely apologize for my behavior yesterday.
  • I must apologize to James for my lateness.
  • If I offended you, I apologize.
  • I apologize for taking so long to reply.
  • He apologized for accusing her falsely.

Ufa. Quanta coisa, né? Relaxa, ainda tem mais!

8 maneiras diferentes de aceitar desculpas em inglês

aceitar desculpas em inglês

Imagina só: Muitas vezes, não é de nossa responsabilidade pedir desculpas, e sim, aceitá-las!

Portanto, além de ter te ensinado a pedir desculpas em inglês e evitar alguns conflitos maiores, irei mostrar algumas formas de como aceitar desculpas em inglês!

Vamo que vamo!

  1. No worries 
  2. Don’t worry
  3. Never mind
  4. No problem
  5. That’s all right
  6. Forget about it
  7. I quite understand. 
  8. You couldn’t help it

Então, todas as vezes em que alguém for se desculpar em inglês para você, diga uma dessas expressões acima!

Muito fácil, não é?!

Agora você sabe como pedir e aceitar desculpas em inglês!


Agora, nosso próximo passo é anotar as palavras novas, procurá-las num bom dicionário de inglês online, consultar o Forvo (guia de pronúncias), exibir o seu novo vocabulário durante uma conversa e, melhor ainda, ler esses dois artigos nossos: Como aumentar o vocabulário em inglês e Como melhorar a pronúncia em inglês!


Thiago Oliveira

Professor de inglês há 7 anos, tradutor/intérprete, criador de conteúdo e apaixonado por aprender e ensinar idiomas.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *